Cookies help us deliver our services. By using our services, you agree to our use of cookies. Learn more

Brasil
Sustentabilidade

Urbanização sustentável na Argentina

Elastopave-Foto-Joao-Atha-de_(215).jpg

Em 2013, a Argentina sofreu uma das maiores emergências ambientais das últimas décadas: 59 pessoas morreram e mais de 6 mil foram evacuadas em Buenos Aires e La Plata devido a inundações que atingiram um recorde de 392 milímetros, como registrado pelo pluviômetro da Universidade Nacional de La Plata em 2 de abril do mesmo ano.

Uma das causas da catástrofe foi a impermeabilização do solo por superfícies pavimentadas, o que aumentou o tempo de drenagem da água para o subsolo, afetando o ciclo hidrológico. Além disso, uma pesquisa realizada em 2017 pelo Centro de Pesquisa Urbana e Regional da Universidade Nacional de La Plata, revelou que a inundação urbana é um fenômeno periódico que afeta não só Buenos Aires, mas também sua área metropolitana, devido a precipitações acima da média, além de ter urbanizações simples na região.

Em parceria com a Redes Sostenibles, a BASF contribui com uma solução sustentável para esta ocorrência por meio do Elastopave®, um composto de poliuretano que funciona como cola de vários agregados, tais como pedras e cascalho, para a drenagem de pavimentos. Assim, cria superfícies resistentes, duráveis ​​e permeáveis ​​até 90%, permitindo que a água siga seu curso natural até o lençol freático, evitando inundações. O produto tem a liberdade de ser aplicado a diferentes projetos, permitindo a escolha de cores, desenhos e tipos de agregados. Também impede que as raízes de árvores quebrem uma superfície, o que garante maior durabilidade quando aplicado em pisos onde pedestres ou ciclistas são frequentes.

MSU-Elastopave-Infografico_PT.png

Este é o jeito E da BASF, que une produtividade e sustentabilidade. É assim que criamos química para um futuro sustentável e contribuímos para um mundo que ofereça mais qualidade de vida para todos.

O Elastopave® já foi aplicado em mais de 100 obras que incluem lugares como o Parque Centenario, o Parque Patricios e a Plaza Armenia em Buenos Aires. 'Eles projetaram novos 20 quilômetros para a sua aplicação. Esta solução pode ser utilizada em pequenas e grandes obras e sua maior qualidade é que a água drena mais rápido e ainda é reaproveitada", explica Marcelo Rosa, responsável pela área de poliuretanos para a construção sustentável da unidade de materiais de performance da BASF. A porcentagem de resíduos que o Elastopave® gera após sua aplicação é de apenas 1% em relação ao concreto comum, que gera 5%.